Outubro Rosa 2021

Comunicação e Marketing

Voltar ao índice

O diagnóstico precoce do câncer de mama é muito importante para alcançar a cura. Se o tumor for identificado em estágio inicial (menos de 1 centímetro), a probabilidade de cura é cerca de 95%.

Como prevenir o câncer de mama?

Tenha uma alimentação saudável: priorize verduras, legumes, frutas e carnes magras. Evite alimentos ultraprocessados.

Faça uma atividade física regularmente: pode ser uma caminhada, praticar algum esporte, dançar; escolha algo que lhe dê prazer.

Mantenha seu peso adequado.

Evite bebidas alcoólicas.

Realize seus exames periódicos: segundo a Sociedade Brasileira de Mastologia, a mamografia é indicada para mulheres a partir dos 40 anos, ou antes, caso tenha histórico familiar. A Organização Mundial de Saúde e o Ministério da Saúde do Brasil indicam o exame a partir dos 50 anos. Apenas um especialista poderá analisar seus fatores de risco e indicar a idade mais adequada para você.

Caso tenha filhos, amamente-os: a amamentação é um fator de proteção.

Caso necessite de reposição hormonal, avalie os riscos e benefícios com o seu médico.

A mamografia é um exame que pode causar desconforto, por comprimir as mamas.         

Confira dicas para realizar mamografia:

Agende a sua mamografia para depois do ciclo menstrual: na semana antes da menstruação, as mamas ficam mais inchadas e sensíveis. 

Evite alguns alimentos que podem deixar as mamas mais sensíveis: café, chocolate, bebidas energéticas ou outros alimentos com cafeína.

No dia do exame, use roupa com duas peças: você precisará despir-se da cintura para cima.

Fique atenta a sua postura: o profissional indicará a posição para a correta captura da imagem. Ao movimentar-se, a imagem pode ficar prejudicada e você precisará repetir o exame.

Relaxe e solte o ar no momento da compressão da mama: ao tensionar a musculatura, o exame pode ser mais dolorido.

Ao notar alguma modificação em sua mama como caroço no seio ou na axila, alteração na pele, vermelhidão, descamação, dor ou secreção no mamilo, consulte seu médico. São sinais de alerta que podem não ser nada, mas é sempre bom checar.

Voltar ao índice

Nós utilizamos cookies essenciais e tecnologias semelhantes conforme descrito em nossa Política de Privacidade,
ao continuar navegando, você concorda com estas condições.